sexta-feira, julho 3, 2020
Home Destaques A Síndrome do Ninho Vazio

A Síndrome do Ninho Vazio

Por Auxiliadora Paiva

Muitos me perguntam o que isso significa? Uns se arrepiam só em pensar nela. Outros se recusam veementemente a tocar no assunto. Afinal o que é essa tão comentada “ Síndrome do Ninho Vazio? É uma doença? É uma crise familiar? É algo contagioso? Bem amigos, nesse texto traremos algumas informações sobre esse distúrbio. Ele não é atual, porém agora tomou força no ambiente terapêutico, devido aos trabalhos divulgados por alguns especialistas nesta area, entre eles encontramos Roberto Shinyashiki e Augusto Cury, entre outros. Essa síndrome é uma sensação psicológica, que alguns pais sentem, quando os seus filhos saem de casa e vão morar sozinhos ou partem para construir a sua própria família, seja ela através de um casamento ( podendo ser homo ou héterossexual), ou um acordo de União Estável.Essa saida vai despertar, em alguns pais,sejam eles jovens ou idosos, uma sensação de solidão e de pesar.
Como lidar com a saudade, quando os filhos saem de casa? Sempre há um sentimento de tristeza, um vazio deixado com a saída dos filhos da “casa mater”. Muitos pais educam os seus filhos para o mundo. Dão a eles as armas necessárias para que eles possam alçar vôos mais altos e encontrarem os seus caminhos. Enquanto outros insistem na manutenção de seus filhos debaixo das suas asas, sem vida própria e sem alcançarem os seu objetivos. Criando assim filhos dependentes, amargurados e sem vida própria.
Esse processo eu conheço plenamente, pois sou mãe de filho único, onde durante todo o período educativo, eu fui PÃE, ou seja um misto de ser Pai e Mãe ao mesmo tempo. Automaticamente fui trabalhando em mim, a minha estrutura psicológica para o momento do “corte do cordão umbilical”, para o “ desmame total”. Se eu afirmar que foi um trabalho tranquilo, que foi fácil, estarei cometendo um sacrilégio com a mentira e a enganação. Desde muito cedo que “ a minha cria” expressava o desejo de ir morar em Sampa, logo após a sua graduação acadêmica. Foi a partir desse start que comecei com o meu processo de desapego e desgarramento do meu filhote. Hoje ele é um Comunicologo,pois graduou- se em Comunicação Social, em ênfase em Publicidade e Propaganda. Mora em São Paulo, mais precisamente na Vila Matilde, é pai de 03 lindos filhos, que são os meus amores. E essa mudança para outro Estado,já ultrapassa mais de uma década.
Como superei a Síndrome do Ninho Vazio? Dei uma guinada em minha vida. Percebi que eu havia completado um ciclo e me preparei para descobrir novos papéis e novas possibilidades. Não tive medo, encarei a situação de frente e venci a falta do meu eterno bebê, da minha cria, do meu filhote. Concluí que eu havia completado o meu ciclo e que agora era o momento de ver o fruto do meu trabalho, caminhando pelas suas próprias pernas, com os seus próprios pés, com a segurança que eu lhe havia introjetado, durante toda a sua vida.
Quais são os sintomas que invadem a vida dos pais( principalmente das mães) durante essa saída? Como os estudos ainda são recentes, a SNV ( Síndrome do Ninho Vazio), ainda é difícil de ser diagnosticada. Ela pode começar com períodos longos de choro ( muitas das vezes às escondidas), com melancolia, desânimo, falta de apetite e falta de coragem para buscar novos rumos, novos horizontes. No meu caso em particular, busquei preencher essa lacuna, através dos estudos e da capacitação em novos cursos. Passei a ser uma terapeuta holística, buscando passar a minha experiência para aqueles que estavam convivendo com essa situação. Mudei o meu foco, centralizei em mim a possibilidade e a capacidade de ajudar pessoas com esse distúrbio. Hoje faço exposição e palestras sobre o tema, mostrando a minha experiência. E quando a saudade aperta demais, o meu remédio, a minha terapia é voar para São Paulo e passar alguns dias com ele. Quando retorno estou plena, refeita, restabelecida e orgulhosa de mim mesma.
A SNV, traz consequências preocupantes, pois os principais sintomas são também: os distúrbios alimentares, a diminuição da libido, os distúrbios do sono e a depressão. A tristeza já aqui citada ao se fazer presente, se não for imediatamente bem conduzida por um terapeuta, pode ser a mola mestra para o aparecimento um longo período de estado depressivo, que poderá a depender do quadro, culminar com a morte e em algumas vezes com o suicídio.
Por isso aos pais deixo um recado, preparem-se para essa situação, busquem conhecer novos horizontes, trabalhar em novos objetivos. Procurem viajar, conhecer novos lugares, rever os antigos amigos, namorar bastante. Isto por que a tarefa de vocês, de educar, capacitar e entregar a sua cria para o mundo foi vitoriosa e promissora. Se estiver difícil superar, peça ajuda, pois com certeza, um bom profissional dará todo o respaldo e acompanhamento. Os nossos filhos sua iguais a um Diamante e a nossa missão é buscar a lapidação da pedra e fazê-la brilhar aos olhos do mundo, sem tristezas e melancolia.
Namastê.

Fonte da imagem:www.setelagoas.com.br
Fonte de pesquisa:www.blog.psicologiaviva.com.br
Partes extraídas de texto autoral apresentado em exposição sobre o tema.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário!
Digite seu nome aqui

- Publicidade -

Mais Lidas

Vamos relaxar: alimentos que são calmantes naturais

Por Ana Lucia Reis. Em nossa rotina é importante manter uma alimentação saudável e equilibrada para melhor funcionamento do nosso organismo, o intuito da coluna...

DVD de Ivete Sangalo Live Experience

Por Sheila Argolo Ivete Sangalo, cantora, compositora, atriz, jurada, apresentadora...., qualificações pra diva do Axé Music não faltam. E o tbt de hoje é pra...

Mês de julho é marcado por lives de consagrados nomes da música baiana

Por Gilberto Romano A temporada de lives continua em função da pandemia e neste mês de julho três grandes feras da musica baiana realizam suas...

Nando Borges é atração do Som de Papo In Live

Pra quem gosta de relembrar os grandes sucessos da música baiana, o programa SOM DE PAPO IN LIVE traz como atração musical o cantor...